terça-feira, 24 de agosto de 2010

Encontrando brasileiros. Prós e contras

Quando ainda estava no Brasil muitas das minhas amigas me diziam "assim que chegar em Houston fique longe das comunidades brasileiras" Em geral elas diziam isso porque quanto mais próxima da comunidade menos ambientada com a cultura americana e fluência na língua inglesa você ficará. Por um lado concordo com elas. Fechar-se na nossa comunidade é cômodo e fácil mas totalmente isolante. Não abrir seus horizontes para a sociedade em que você vive criará uma dependência nas suas raízes e uma parede para o conhecimento.
Por outro lado a facilidade e naturalidade que nos expressamos com os "nossos" é prazerosa, afinal conversar em inglês cansa mesmo. Encontrar o vocabulário, a expressão e a gramática dá um baita trabalho e ás vezes uma preguiça.

Nós brasileiros recém chegados passamos pelas mesmas aflições de nos adaptarmos e vivermos em um lugar diferente de nossa pátria, longe de familiares e amigos. Todas essas semelhanças nos aproxima. Mas no povo americano encontramos também paciência para entender nossas dificuldades. Eles já estão acostumados com estrangeiros. Posso lhes dizer que ainda tenho meus receios de encarar uma longa conversa no telefone com os nativos mas estou enfrentando os desafios dia por dia e mesmo cometendo meus erros estou tendo a possibilidade de encontrar pessoas bacanas.

Caso você ainda não se sinta preparado pra engatar uma amizade com americanos mas está se sentindo muito solitário por aqui, uma ótima opção seriam os sites de relacionamento como Facebook, Orkut e Twitter. Uma outra opção é a ONG Aquarela do Brasil que frequentemente oferece eventos para reunir a comunidade. Já no Meetup você encontrará todas as "tribos" do mundo inteiro que se reúnem para organizar encontros temáticos, festas, etc. Enfim se você conhece outros pontos de encontros e gostaria de divulgá-los teremos grande prazer em ouví-lo.

E se quiserem mais uma amiga podem contar comigo!